Doação de óvulos

Doação de óvulos ou ovodoação é a doação dos gametas femininos, os óvulos.

Estes serão usados por casais com infertilidade, geralmente por falência ovariana precoce, menopausa precoce, tratamentos quimioterápicos, doenças genética ou falhas repetidas de FIV. Ou por casais homoafetivos masculino e produção independente de homens.

A doação pode ser de forma altruísta, para ajudar outros casais, ou por doação compartilhada, quando a mulher irá passar pelo tratando de reprodução assistida e parte dos óvulos ela usará no próprio tratamento e outra parte é doada, são compartilhados os óvulos e os gastos do tratamento.

ovum2

Regulamentada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), a ovodoação tem alguns requisitos que devem ser atendidos:

  • a doação não pode ter caráter lucrativo ou comercial;
  • a idade para a doadora é de 18 a 35 anos;
  • as identidades da doadora e receptora são mantidas em sigilo;
  • uma doadora não pode produzir mais de dois nascimentos de diferentes sexos a cada área de 1 milhão de habitantes;
  • o médico assistente tem a responsabilidade de escolher a doadora com maior semelhança física e fatores como tipagem sanguínea compatível com o casal receptor.

As doadoras são pacientes jovens, com idade inferior a 35 anos, sem história de doenças graves de qualquer natureza e com todos os testes de doenças infecto-contagiosas com resultados negativos. A doação é feita obrigatoriamente no anonimato e sem fins lucrativos.

img16

Entre em Contato

Rolar para cima